TAO PILATES
 Bom dia,  
Seja bem vindo a TAO PILATES.

Newsletter TAOPILATES






08/04/2016
Especialista em crossfit rebate críticas à modalidade





Especialista afirma que Crossfit não é 100% seguro, mas possibilita inúmeros benefícios à saúde do praticante quando feito sob a supervisão correta

Em resposta à matéria “Médico não recomenda prática do crossfit nem para atletas bem condicionados”, o coach (treinador, professor especializado) de crossfit Kersson Bastos rebateu as críticas feitas à modalidade de alta performance.

De acordo com o especialista na prática esportiva, que tem oito anos de experiência na área de Educação Física e dois anos de certificação internacional na modalidade, o crossfit, assim como qualquer outra atividade esportiva, não é 100% seguro, mas possibilita inúmeros benefícios à saúde do praticante quando feito sob a supervisão de “profissionais competentes”.

Qualificado para prescrever a modalidade, Kersson afirmou que a prática de modalidade “similar” ao crossfit “vem sendo popularizada e virou um modismo” nas academias. Segundo o coach, existe sim um modismo que visa o retorno financeiro com a “nova onda”. Mas o profissional alerta os interessados nos benefícios que a atividade traz ao condicionamento físico tenham ciência de que o crossfit seja uma prática certificada.

“Muitos usam o nome crossfit quando, na verdade, não possuem certificação para tal. Os treinadores de crossfit passam por cursos exigentes e só assim podem atuar no ramo, com resultados muito positivos”, alertou Kersson.

Há também a negligência de alguns treinadores pela popularização da modalidade. “São pessoas que, normalmente, se formam em Educação Física e começam a atuar sem experiência na área de treinamento. Não possuem qualificação nem para a prescrição de musculação ou qualquer outra modalidade. Então, fica fácil relacionar as lesões a uma modalidade específica”, observou o coach em crossfit.

Para conseguir uma certificação para oferecer o crossfit na academia, o local precisa receber aprovação de órgão dos Estados Unidos, explicou Kersson. “Hoje, vemos muito os chamados pseudo boxes, que são espaços sem esse reconhecimento.”

Discussão mais ampla
O coach da modalidade afirmou que a discussão sobre a prática do crossfit, por ser ampla, deve envolver profissionais das mais diversas áreas da saúde, como Educação Física, Medicina e Fisioterapia, sem qualquer juízo de valor. “Porque o que vemos, muitas vezes, é um desrespeito com o outro profissional com críticas feitas, até mesmo, na ignorância”, observou.

Segundo Kersson, no crossfit ou em modalidades “erroneamente intituladas” como se fossem essa prática, “maus profissionais acabam manchando a reputação de uma classe inteira”. “Os médicos sabem que, assim como nas especialidades médicas, existem bons e maus profissionais. O crossfit é uma modalidade, uma especialização da Educação Física. É preciso ter discernimento para não denegrir outro profissional”, pontuou o coach.

Matéria publicada no site Jornal Opção.





TAO PILATES INSTITUTO DE MEDICINA DO ESPORTE - TAO CURSOS

DR. JOEL STEINMAN - CRM 6447 - DIRETOR TÉCNICO


CURSOS TAO PILATES BLUMENAU

CURSOS TAO PILATES BRASÍLIA

CURSOS TAO PILATES CHAPECÓ

CURSOS TAO PILATES CURITIBA

CURSOS TAO PILATES FLORIANÓPOLIS

CURSOS TAO PILATES FOZ DO IGUAÇU

CURSOS TAO PILATES JOINVILLE

CURSOS TAO PILATES MARINGÁ

CURSOS TAO PILATES PORTO ALEGRE

CURSOS TAO PILATES SANTOS

CURSOS TAO PILATES SÃO PAULO

CURSOS TAO PILATES VITÓRIA













Todos os direitos reservados TaoPilates @2012