TAO PILATES
 Bom dia,  
Seja bem vindo a TAO PILATES.

Newsletter TAOPILATES






06/07/2016
A Capoeira na Educação Física





Professor da cidade de Santos explica a importância de atividades lúdicas como a capoeira para as crianças na escola

O lúdico deve ser inserido na prática de qualquer atividade, mas com objetividade. A capoeira não foge dessa lógica. Nasceu como luta, arte marcial e transformou-se em manifestação cultural popular. O processo para que isso acontecesse foi longo, muitos costumavam dizer que foram inseridos conceitos de dança, devido a introdução dos instrumentos musicais e principalmente de sua ginga, onde muitos acreditam que este movimento tem esse nome em homenagem à Princesa Nzinga Mbandi Ngola Kiluanji, nascida em 1582. Como contexto histórico, é importante citar que a ginga surgiu para ludibriar os policiais, que vinham a cavalo, terminar com qualquer tipo de atividade que era julgada como fora da lei. No decorrer do processo, foi criado o toque de berimbau, intitulado cavalaria, e, consequentemente, talvez o maior símbolo dessa arte, o seu gestual, que executado tinha como interpretação brincadeiras entre seus jogadores, que simulavam nesta ritmicidade um bailado que encobria esta luta por uma igualdade social.

Para inserir a capoeira na escola, compreendi que o lúdico seria uma ferramenta essencial para este objetivo, tendo uma base oferecida pelo Sr. Gládson de Oliveira Silva, e seu discípulo Vinícius Heine, o “Mestre Gladson”, precursor da Capoeira na Universidade, que entendia que muitas brincadeiras de rua, poderiam ter elementos de capoeira, e facilitava assim a absorção do conteúdo programático e simultaneamente estimulava sua prática.

Freire (1992, p.13) cita que “corpo e mente devem ser entendidos como componentes que integram um único organismo” e a crítica fica por conta das escolas, que conforme os autores apenas adestram e dificultam a formação e o desenvolvimento do aluno, este desenvolvimento pode ser aprendido com mais entusiasmo se o lúdico tiver objetividade, e for, na maioria das vezes interdisciplinar.

Silva (1995), demonstra que as atividades lúdicas ressaltam a cooperação. Brincadeiras como o pega-pega onde o capitão do mato poderia tentar pegar os escravos fugitivos, e os mesmos poderiam salvar aqueles que estavam pegos por meio de um movimento da capoeira contribui para essa motivação de aprender a história da capoeira. A interdisciplinaridade fica presente com a história e geografia do Brasil, assim como a contribuição do caráter por se tratar de uma atividade cooperativa e de cunho reflexivo lembrando todo o período de escravidão do Brasil. Ou mesmo um “corre cotia”, onde ao invés de caminhar por fora da roda o participante pode estar realizando movimentos de capoeira dentro, ou fora da roda enquanto os demais cantam e batem palma no ritmo empregado pelo educador daquela turma. O objeto utilizado para deixar atrás de um dos participantes sentados pode ser um apetrecho de algum dos instrumentos como um dobrão ou caxixi do berimbau. A criatividade e o caráter interdisciplinar entre a capoeira e a educação física escolar caminham lado a lado para constituir uma educação física brasileira.

(Fonte: Márcio Rodrigues dos Santos – “Mestre Márcio” – Coordenador do Projeto Capoeira Escola – Baixada Santista, docente na Universidade Santa Cecília – Santos SP, docente na Universidade Metropolitana de Santos – capoeiraescola@hotmail.com).


TAO PILATES INSTITUTO DE MEDICINA DO ESPORTE - TAO CURSOS

DR. JOEL STEINMAN - CRM 6447 - DIRETOR TÉCNICO


CURSOS TAO PILATES BLUMENAU

CURSOS TAO PILATES BRASÍLIA

CURSOS TAO PILATES CHAPECÓ

CURSOS TAO PILATES CURITIBA

CURSOS TAO PILATES FLORIANÓPOLIS

CURSOS TAO PILATES FOZ DO IGUAÇU

CURSOS TAO PILATES JOINVILLE

CURSOS TAO PILATES MARINGÁ

CURSOS TAO PILATES PORTO ALEGRE

CURSOS TAO PILATES SANTOS

CURSOS TAO PILATES SÃO PAULO

CURSOS TAO PILATES VITÓRIA









Todos os direitos reservados TaoPilates @2012